Cérebro Global: Como inovar em um mundo conectado por redes

As inovações nas empresas podem ser geradas tanto interna como externamente. E o que acontece quando estabelecemos uma ponte entre os profissionais de uma organização e seus...

ver detalhes
Cérebro Global : Como Inovar Em Um Mundo Conectado Por Redes

As inovações nas empresas podem ser geradas tanto interna como externamente. E o que acontece quando estabelecemos uma ponte entre os profissionais de uma organização e seus...

ver detalhes
Sarney - A Biografia

QUEM É ESSE POLÍTICO SEM O QUAL NÃO SE PODE CONTAR A HISTÓRIA RECENTE DE NOSSO PAÍS? Que homem é esse? Que político é esse? Como Sarney avalia a sua trajetória, os...

ver detalhes
Conexão Satoshi

Aqui você encontra todos os podcast do Cointimes, o melhor lugar pra quem quer aprender sobre finanças, investimentos e criptomoedas.

ver detalhes
De Sarney A Temer - Nossa Incipiente Democracia

As estórias elencadas neste livro reproduzem momentos vividos pelo autor e a ajuda de pesquisa sobre um período que compreende o final da Ditadura Militar (1984) e a...

ver detalhes
Sátiras máximas: um livro de autoajuda

Minha alma a nada se prende, a nada se refere, com nada se contagia. Nada explicarei sobre o meu livro, este que agora apresento com todos os circunstanciais enunciados que esta...

ver detalhes
Honoráveis Bandidos - Um Retrato do Brasil na Era Sarney

Palmério Dória, um dos jornalistas mais respeitados do País, conta pela primeira vez, num livro, toda a história secreta do surgimento, enriquecimento e tomada do poder...

ver detalhes
Sátiras Policiais: Ciências Policiais

Sou policial civil aposentado e por isto me sinto a vontade em brincar com os policiais. Gosto e amo a vida de super-herói, e policial é para mim o super-herói que todo dia...

ver detalhes
Sátiras Policiais: Ciências Policiais

Sou policial civil aposentado e por isto me sinto a vontade em brincar com os policiais. Gosto e amo a vida de super-herói, e policial é para mim o super-herói que todo dia...

ver detalhes
Laputa: Sátira Ao Ano Cruel De 1972

Era bancário e muito triste e às vezes amanhecia gripado. Tinha uma gravata de estimação que ia ao banco sozinha quando ele não comparecia." Ao assistir a um espetáculo em...

ver detalhes
página 1 de 100